quinta-feira, 17 de junho de 2010

Deixa esmaecer

deixa esmaecer
na tua mente
meu corpo,
riso,
gosto,
rosto

do abraço
vai-se
o vigor;
do toque,
o calor;
do beijo,
o sabor

deixa esmaecer
a impressão,
o cheiro,
a sensação

a imagem
já não vívida
do que foi
vivido
só vive agora
nas letras
guardadas

portanto,
deixa esmaecer

6 comentários:

@carolecarol disse...

Lindo texto, como sempre ;)

Camila Paier disse...

Ei xará! Tudo bem? Escreves ótimos poemas, adoreeei :)
O blog tá lindo!
Beijoca guria

Thαlitα :) disse...

Ah que lindo o poema.Adorei o blog!

bj!

meus instantes e momentos disse...

que bom voltar aqui...
Tenha um feliz final de semana.
Maurizio

Leo disse...

A mente é de poeta.
o riso é como de criança.
o gosto é doce.
o rosto, modelo.
o cheiro é de camomila.
O toque é delicado.
a imagem é essa.

lindo seu poema Camilinha!
Te abraço. Me abraças.

Viví disse...

Oi, adorei seu blog, parabéns!
Te convido a conhecer o meu também e um pouquinho da moda super exclusiva e colorida que fazemos por lá.
Beijos
Viví
http://vivimodaexclusiva.blogspot.com

Related Posts with Thumbnails